Sua mensagem foi enviada com sucesso!
Como participar de uma regata

Blog

Como participar de uma regata

Esporte náutico e Lazer a Bordo 29/12/2009
Compartilhar

Você já veleja há algum tempo, mas busca novos desafios e aventuras? Participar de uma regata pode ser uma experiência única e desafiadora.

Regata nada mais é do que uma competição entre os veleiros, que tentam fazer um determinado percurso da maneira mais rápida possível.

As competições envolvem os mais diferentes tipos de embarcações. Os barcos são separados em categorias, as chamadas classes. O número da tripulação também varia, e pode ter de um ou uma dezena de tripulantes.

Os percursos das regatas, geralmente, são montados com boias ou estabelecidos pela comissão de regatas (equipe de árbitros) com base em acidentes geográficos, bóias de sinalização náutica da região. Entre os percursos montados com boias, os mais comuns, atualmente, são o triangular e o barla-sota (ida contra o vento e volta a favor do mesmo).

Para atingir o objetivo, cada tripulação deve conhecer com exatidão como marear adequadamente as velas e assim obter o máximo aproveitamento do vento.

Numa regata, largar bem é muito importante. Quanto mais uniforme for o nível dos competidores, mais importante torna-se a largada.

O velejador deve estar atento a toda e qualquer mudança (gradual ou repentina) no vento e reagir da maneira mais apropriada. Ele deve saber prever o comportamento futuro do vento para, dessa forma, planejar a menor e mais rápida derrota possível até a chegada.

Não é por menos que a vela é considerada um esporte predominantemente intelectual. Por requerer uma grande quantidade de conhecimento a ser utilizado em tempo real, a vela é excelente para o desenvolvimento do raciocínio e do controle emocional. O atleta também precisa saber como reagir aos outros competidores, de modo a sempre garantir as posições conseguidas e “passar” os concorrentes.

A preparação de um velejador para a competição é multidisciplinar. Disciplina, técnica, treinamento e táticas são alguns dos itens que compõem a lista. O preparo físico dos tripulantes também é importante, principalmente em ventos fortes.

Regras

As regras de regata são complexas e, por vezes, difíceis de interpretar. No site da Confederação Brasileira de Vela e Motor, http://www.cbvm.org.br/, há as regras válidas de 2009 a 2012, conforme o disposto pela Federação Internacional de Vela (ISAF).

A sinalização também faz parte das regras, e diz respeito, principalmente, à largada, mas também abrange a sinalização de eventos durante todo o percurso, até a chegada.

No geral, a ordem de prioridade das regras que os competidores precisam obedecer:

- O barco alcançador deve manter-se afastado;

- O barco de barlavento deve manter-se afastado de um barco a sota;

- Um barco com amuras a boreste tem a preferência.

Thassia Ohphata
Fotos: Dave Kneale/Volvo Ocean Race e Marcio Ishihara