Sua mensagem foi enviada com sucesso!
Ilhabela - Dicas para navegantes de 5 praias de Ilhabela

Blog

Ilhabela - Dicas para navegantes de 5 praias de Ilhabela

Esporte náutico e Lazer a Bordo 05/10/2010
Compartilhar

Ilhabela, que já foi chamada de Ilha de São Sebastião, Villa Bella da Princesa e Formosa entre outros nomes, sempre referenciando sua beleza inigualável, é uma das mais preciosas reservas biológicas do planeta e detém o título de Capital Nacional da Vela em função dos bons ventos que sopram no Canal de São Sebastião. Já é conhecida mundialmente como o cenário da maior competição de vela do Brasil, a Rolex Ilhabela Sailing Week.

Ilhabela fica no litoral norte de São Paulo, distante 60 milhas náuticas de Santos e 70 milhas náuticas de Paraty. É a terceira maior ilha marítima do Brasil e também um dos últimos redutos intocáveis de Mata Atlântica, que cobre 85% do município.

Esconderijo e refúgio de corsários e piratas europeus e argentinos, entre os séculos XVI e XIX, Ilhabela é, hoje, a mais charmosa e badalada ilha do litoral paulista e, segundo historiadores, esconde tesouros valiosos.

Escolhemos 10 praias que não podem faltar no seu passeio de barco, algumas com muito agito e outras mais tranquilas, que serão apresentadas em duas matérias especiais.

Em certas praias de Ilhabela você encontrará bom abrigo para pernoite com poitas. Mas, se deseja passar alguns dias com sua embarcação no arquipélago recomendamos procurar uma praia abrigada ou uma das marinas particulares.

 

Confira as cinco primeiras dicas que o Bombarco preparou para você:

 

Praia do Jabaquara

Localização: S 23°44’11” / W 45°17’32”

A praia do Jabaquara é considerada uma das mais bonitas de Ilhabela. O local, com sua flora preservada, é rodeado de árvores e cortado por dois riachos, um em cada extremidade dos 500 metros de extensão. E, em função disso, o lado direito reserva uma doce surpresa aos visitantes, já que o rio que lá deságua forma uma bela lagoa de água doce. As águas do mar são claras e ótimas para um mergulho livre.

O visitante também pode se animar com a boa oferta de alimentação na praia como o restaurante do Jabaquara. Atualmente, não há serviço de embarque e desembarque. No entanto, Marcos, o proprietário do restaurante promete que, no verão, oferecerá melhor apoio às embarcações.

Essa é a última praia que é possível chegar de carro. Mas se estiver de barco, fique atento, a praia é pouco indicada para pernoite pela oscilação de maré. Oferece abrigo para ventos de sudoeste e é um pouco mais abrigada no canto esquerdo da praia olhando do barco.

Praia da Fome

Localização: S 23°44’35” / W 45°16’01”

Fugindo um pouco do movimento de outras praias da Ilha, a Praia da Fome só fica movimentada mesmo na alta temporada com a visitação das embarcações dos veranistas. As pequenas casas dali foram, no passado, usadas como senzalas. Daí o nome "Praia da Fome" porque ali os escravos, vindos da África, eram alimentados para depois serem vendidos conforme seu peso.

Ao pé do morro e com suas águas calmas e cristalinas, essa pequena praia, de 150 metros de extensão, quase some em meio à grande vegetação que a rodeia sendo também ideal para a prática de mergulho.

Serviço de embarque e desembarque e boas refeições a base de peixe são oferecidos pelos próprios moradores. A comida, cuidadosamente preparada, é feita na casa dos habitantes locais e as bebidas podem ser compradas no quiosque.

A Praia da Fome tem muitas poitas e é bem abrigada para pernoitar mesmo em mar um pouco mais agitado. O tempo de lancha partindo da vila até a praia da fome é de aproximadamente 30 a 50 minutos.

Saco do Poço

Localização:S 23°45’43” / W 45°15’28”

Em busca de sossego e de descobrir belezas naturais diferenciadas? Então você não pode deixar de conhecer o Saco do Poço. Essa é uma das praias mais interessantes de Ilhabela formada por pedras e rochedos. Lá existe um sítio arqueológico e uma lagoa de água doce formada pela água da Cachoeira do Poço, que se pode ver da própria praia.

A praia é primitiva e desabitada, portanto leve comida no barco. De águas geralmente tranquilas, o Saco do Poço tem boas condições para pernoitar no barco. Mas, fique sempre atento a previsão do tempo. Partindo da Praia da Fome leva de 15 a 20 minutos de lancha.

Saco do Eustáquio

Localização:S 23° 50’ 12” / W 45° 14’ 37”

Com um mirante natural que possibilita uma linda vista panorâmica da Baía de Castelhanos, o Saco do Eustáquio fica bem ao leste da Ilha, um pouco mais afastado. O local, de águas transparentes, é um verdadeiro abrigo natural das ondas de mar aberto. Por isso, é muito conhecido por ser um porto seguro para os navegantes e aos adeptos do mergulho.

Além da beleza nativa o Saco do Eustáquio tem bar e restaurante que servem deliciosas porções de mariscos cultivados na vila de pescadores. É só chegar e esperar por um bote que te levará para a praia ou levará a comida até o seu barco.

Se quiser ficar por lá, o local tem excelente abrigo para pernoitar com poitas e serviços de embarque e desembarque. E, fica um pouco mais afastado, cerca de 1h30 a 2h30 de lancha, partindo da vila.

Praia de Castelhanos

Localização: S 23° 51’ 19” / w 45°17’ 15”

A já famosa praia, localizada na Baia de Castelhanos, está situada a leste e possibilita muitas aventuras. Antigo refúgio de piratas, a praia guarda tesouros como a Cachoeira do Gato, que se chega por uma trilha, e riachos de água transparente.

Catelhanos é a maior praia de toda a ilha com mais de 1 km de extensão e oferece boa estrutura de alimentação com bares e restaurantes e serviço de embarque e desembarque. No canto direito, visto da embarcação, a praia é um pouco mais tranqüila, mas tenha cuidado com a arrebentação.

O local também é ótima opção para os adeptos do surfe.

Cuidado com os Borrachudos


Os borrachudos pertencem a família Simuliidae e impressionam pela picada que pode causar sérias alergias. Ilhabela é o cenário perfeito para a proliferação desse mosquito. Pela proximidade com nascentes de rios, cachoeiras e trilhas, é muito comum encontrar na região, o famoso borrachudo, que pode acabar com a viagem de qualquer um. Portanto, nunca se esqueça do repelente!

 

Confira as fotos das praias de Ilhabela: Clique aqui

Redação Bombarco
Foto: Bombarco