Sua mensagem foi enviada com sucesso!
Acidente no mar: cuidado com a escota!

Blog

Acidente no mar: cuidado com a escota!

Manutenção de Equipamentos 26/10/2012
Compartilhar

Eduardo Ferreira, 50 anos, é tripulante do Fram há dois anos e apaixonado por vela. Começou a velejar aos 20 anos na Represa Guarapiranga, e entrou para a tripulação do veleiro depois de fazer o curso de vela oceânica com o grupo. Mas no começo de 2012, durante a primeira etapa da Copa Suzuki Jimny, em Ilhabela, Ferreira passou por uma situação que quase o fez perder o pé e a vontade velejar, mas foi só quase.

Na sexta-feira do segundo fim de semana da competição, a tripulação do Fram fazia um treino e todos estavam envolvidos, mas surgiu uma conversa distrativa no cockpit, que tirou a atenção de um dos tripulantes. O capitão Felipe Aidar informou alteração de bordo, Eduardo, que estava a boroeste, foi fazer a mudança e aí o acidente aconteceu: um dos colegas tripulantes não caçou a escota da genoa, que laçou o tornozelo de Eduardo. Sem perceber o que tinha acontecido, o tripulante começou, então, a caçar a escota, aumentando a pressão na perna de Eduardo.

Eduardo gritou, tentando chamar atenção para o que estava acontecendo e, felizmente, conseguiu: o capitão Felipe percebeu que algo estava errado e parou o veleiro. Os tripulantes soltaram a perna de Eduardo, que nesse ponto já havia desmaiado de dor. A pressão da escota da genoa varia de acordo com o vento, Eduardo calcula que, com o vento a 10 nós no dia do acidente, a pressão em sua perna tenha sido entre 500 kg e 800 kg.

Com o tendão rompido e ainda se recuperando, a cirurgia deve ser feita no começo de 2013, Eduardo revela que ficou um tempo com medo de descuidos como o que aconteceu, mas garante que sua paixão por velejar continua. “Foi um descuido que não acontece nunca em regata,” explica o velejador. “E que o caso sirva de aviso para os colegas velejadores. A comunicação interna é muito importante para a segurança”.

Mesmo em recuperação, Eduardo já voltou para o mar e está se preparando para disputar a quarta etapa da Copa Jimny, que começa no dia 24 de novembro, em Ilhabela, com Regata Volta a Ilhabela - Sir Peter Blake.

Marília Passos para Bombarco
Foto: Bombarco