Sua mensagem foi enviada com sucesso!
Celso Magalhães, um homem de negócios e do mar

Blog

Celso Magalhães, um homem de negócios e do mar

Manutenção de Equipamentos 13/06/2013
Compartilhar

Nascido em São Paulo, Celso Magalhães mudou-se com família para Caraguatatuba quando tinha 10 anos de idade e, hoje, aos 50, se considera um verdadeiro caiçara. “Sempre fui do mar”, afirma, lembrando que já praticou diversos esportes náuticos, como surfe, vela, pesca e caça submarina, chegando a competir nas modalidades. Com a idade, o interesse pelo mar acabou virando um negócio e, em 1981, ele abriu seu primeiro empreendimento, uma loja de equipamentos para pesca e caça subaquática.

Em 1992, a evolução do trabalho acabou levando o empresário a começar a trabalhar também com a venda de motores de popa, o que não era feito por muitas pessoas na época. Dois anos depois, Celso decidiu se dedicar totalmente à náutica e abriu a Celmar Boats. Lanchas e acessórios náuticos entraram para o portfólio da loja e os negócios prosperaram. O empresário se orgulha do reconhecimento nacional da loja, uma das mais antigas de Caraguatatuba, e aproveitou o sucesso para, em 2010, expandir os negócios, abrindo uma filial da Celmar Boats em Ilhabela. Hoje, a loja é representante oficial das marcas Mercury, Yamaha, Sea-Doo, Schaefer, Fishing e Ventura.

Para dar conta das duas lojas, Celso conta com a ajuda do filho mais velho, Ricardo, de 33 anos. O caçula Gabriel, de 4 anos, ainda não tem idade para entrar para o negócio da família, mas o futuro é promissor, pois Celso tem planos de abrir uma marina em Caraguatatuba, no futuro não muito distante.

Além da náutica

A loja em Ilhabela acabou rendendo a Celso um novo ramo de negócio. Em 2011, o empresário abriu o Abayomi Hotel, bem ao lado da loja, em frente à Praia de Itaguassu, o que permite que os hóspedes que chegarem à ilha de barco atraquem bem em frente ao hotel. O próprio Celso tem um Phatom 38, da Schaefer, o que facilita o deslocamento de um ponto a outro do litoral de São Paulo.

Marília Passos para Bombarco
Foto: Arquivo Pessoal