Sua mensagem foi enviada com sucesso!
Davi Araújo Prado é o piloto de jet ski mais novo do Brasil

Blog

Davi Araújo Prado é o piloto de jet ski mais novo do Brasil

Manutenção de Equipamentos 08/06/2011
Compartilhar

Davi Araújo Prado nasceu em Goiânia, Goiás, no ano de 2000, e desde quando dava seus primeiros passos já queria acelerar. Aos quatro anos praticava várias modalidades esportivas, entre elas: natação, judô, kart, e hipismo. Sempre muito hiperativo, Davi tomou gosto pelo esporte com motos aquáticas. Hoje aos 11 anos, Davi é um grande nome no cenário do jet ski brasileiro.

O jovem piloto já coleciona muitos títulos nacionais. Em 2010 conquistou o terceiro lugar na categoria Super Course Júnior e o segundo lugar na categoria Runaboat Júnior, do Campeonato Paulista, além do quarto lugar no Free Style amador (competindo com os adultos), no Campeonato Brasileiro de Jet Ski.

Este ano o mais novo piloto do Brasil almeja a primeira colocação nas categorias Ski Aspirado Stock e Free Style Amador do Campeonato Brasileiro de Jet Ski que terá a terceira e última etapa entre os dias 23 e 26 de junho, na cidade de Boa Esperança, em Minas Gerais. O plano do piloto é se classificar para o Campeonato Mundial que será realizado de 1 a 9 de outubro, em Lake Havasu, no Arizona (EUA).

Perigo em alto mar

“Aconteceu uma situação engraçada que parecia cena de desenho animado em janeiro de 2009. Eu estava descansando em cima do meu jet ski novinho que eu havia acabado de comprar para competir na categoria Free Style, no lago Talismã, em Goiânia. Um homem, que já estava meio alcoolizado saiu para andar de jet todo animado. Partiu bem e deus várias voltas no lago jogando água de um lado para o outro. Quando começou a retornar para a margem observei que ele estava sem controle da moto aquática e ouvi gritos em minha direção dizendo: “Como freia? Como faço para parar? E, quanto mais ele apertava a maçaneta, achando que era o freio, mais velocidade ele ganhava. Foi tudo muito rápido. Quando percebi que ele estava mesmo vindo em minha direção, pulei para fora do jet e comecei a nadar para longe. Foi quando ele bateu em cheio bem no meio do meu jet ski, abrindo um grande buraco. O jet afundou na hora.  Me vi sozinho no meio da água e o jet junto com o piloto maluco passou direto e bateu no barranco. Sorte que ninguém se machucou.

A dica para quem passar por alguma situação parecida é prestar sempre a atenção não só consigo mesmo, mas também ao seu redor. Utilizar sempre os equipamentos de segurança como o colete de salva-vidas. Ele é imprescindível para garantir sua segurança em caso de acidentes. E, claro, não beber quando for pilotar qualquer tipo de embarcação”.

Bruna Sales para Bombarco
Foto: divulgação
Vídeo: Bombarco