Sua mensagem foi enviada com sucesso!
Flávio Ramires: “Quem vai pro mar se prepara em terra”

Blog

Flávio Ramires: “Quem vai pro mar se prepara em terra”

Manutenção de Equipamentos 22/06/2011
Compartilhar

A relação de Flávio Mark Longaray Ramires com o mar começou há mais de 15 anos. Flávio apaixonou-se pela navegação quando foi morar em Florianópolis, Santa Catarina e nunca abandonou a vida marítima.

Capitão amador e marinheiro de convés (profissional formado pela Marinha do Brasil para atuar em segmentos específicos como turismo, por exemplo). Flávio sempre está envolvido em operações especiais em alto mar:

“Passo quase um mês embarcado e um mês em terra.”, explica.
Mas não pense que a vida de Flávio é só trabalho. O marinheiro, nas horas vagas, também participa de Rallys Náuticos no Sul do País e garante bom desempenho nas provas.

Dia a dia

“Uma história inesquecível aconteceu em Ilhabela, em 2006. Estava participando de algumas Operações Especiais com Forças de Segurança, a bordo de um Power Boat de 45 pés, na ilha do litoral norte de São Paulo, quanto fazíamos patrulhamento no mar a procura de alguns infratores. E, por força das circunstâncias, realizamos uma navegação invisível, sem luzes. Ignorei o GPS e priorizei o radar para localizar nossos alvos. Passamos pela área de exercícios da Marinha, em Alcatrazes. Vimos belas luzes de artefatos iluminando a noite. Foi quando recebemos uma chamada de rádio da fragata avisando que navegávamos no meio da Zona de Tiro da Marinha. Saímos de lá rapidamente antes que fossemos confundidos com algo não identificado no mar e nos tornássemos alvo fácil para o treinamento. De tudo ficou uma lição. Quem vai pro mar se prepara em terra. Sempre tenha um plano de navegação e mapeie minuciosamente por onde irá trafegar”.

Bruna Sales para Bombarco
Foto: divulgação