Sua mensagem foi enviada com sucesso!
Cursos ajudam na profissionalização de marinheiros

Blog

Cursos ajudam na profissionalização de marinheiros

Mercado 21/10/2009
Compartilhar

Há seis anos, Yamaha investe no treinamento de marinheiros
Em qualquer área, o competitivo mercado de trabalho exige cada vez mais profissionais qualificados. Por isso a importância de buscar novos conhecimentos e qualificações.

No mercado náutico não é diferente. Com as novas tecnologias que surgem a cada dia, é importante sempre manter-se atualizado. Isso vale não só aos mecânicos (como mostrou a reportagem do Bombarco sobre os cursos profissionalizantes para mecânicos), mas também aos outros profissionais que lidam com as embarcações todos os dias, como é o caso dos marinheiros.

“É importante que também eles tenham certo conhecimento para poderem fazer verificação diária dos barcos. Não dá para chamar um mecânico todos os dias para fazer a checagem de óleo, por exemplo”, reforça o mecânico Antônio Nogueira Abrantes Neto.

Anualmente, em janeiro, o profissional também ministra cursos de mecânica básica aos marinheiros de Bertioga (SP), em parceria com o Lions Clube da cidade. Nas aulas, esses profissionais também recebem dicas úteis serem aplicadas no dia-a-dia. A idéia de Neto, agora, é buscar parcerias na cidade para poder levar o curso para outros profissionais do segmento.

Programa de Marinas Yamaha

Com o propósito de levar esse tipo de conhecimento aos profissionais ligados ao mercado náutico, a Yamaha Náutica investe também no treinamento para marinheiros.

Totalmente gratuito, o Programa de Marinas é direcionado a todos os profissionais responsáveis por cuidar das embarcações com motores de popa e de centro rabeta a diesel, independentes da marca. “Queremos orientar o marinheiro para que ele saiba o que pode mexer para não comprometer a garantia do produto, evitar as manutenções corretivas do motor e assim aumentar a vida útil da embarcação”, explica Neusa Makita do Departamento de Marketing da Yamaha Náutica.

Única empresa no mercado a investir no treinamento de marinheiros, a Yamaha já formou mais de mil profissionais em todo o país. "A continuidade deste trabalho junto aos marinheiros é fator essencial para evitar manutenções corretivas que oneram o bolso do proprietário das embarcações e causam a insatisfação na hora do lazer. Prevenção ainda é o melhor remédio para evitar transtornos na hora de navegar", reforça Neusa.

Com duração de oito horas, o treinamento aborda a manutenção preventiva de motores, segurança e cuidados com o manuseio, informações sobre combustíveis, lubrificação e utilização de aditivos. Além disso, reforça a importância de se respeitar o período de amaciamento do motor para aumentar a vida útil do produto. O curso é realizado em todo o país e segue calendário anual da empresa. As marinas interessadas no curso também podem receber o treinamento.

Marinheira há cinco anos, Eli Ribeiro de Souza, foi uma das participantes da palestra técnica realizada em junho, nas Marinas Verolme e Piratas, em Angra dos Reis (RJ). “As mulheres, geralmente, tem dificuldade de entender os termos técnicos pelo pouco contato com mecânica, por isso achei o treinamento muito bom. Os instrutores falam dos assuntos que envolvem a manutenção do motor numa linguagem que qualquer leigo entende”, disse Eli, única mulher a participar da palestra.


No curso, marinheira pôde conhecer melhor os tipos de combustíveis e suas diferenças, além de lubrificantes e funcionamento do motor. “Este tipo de palestra ajuda muito a aperfeiçoar e atualizar conhecimentos, já que a tecnologia muda com muita rapidez", salientou.

Thassia Ohphata, com informações da Yamaha Náutica
Fotos: Cedidas/Yamaha Náutica