Sua mensagem foi enviada com sucesso!
Focker 272 GTC no Raio-X Bombarco - Lancha cabinada e ótima opção de entrada

Notícias

Focker 272 GTC no Raio-X Bombarco - Lancha cabinada e ótima opção de entrada

01/06/2021
Compartilhar

Das lanchas mais procuradas no Bombarco, a linha Focker está no topo da lista. Do reconhecido estaleiro catarinense Fibrafort, a Focker 272 tem opções de modelo cabinado (GTC) ou open (GTO). O grande espaço de popa garante diversão nos dias ensolarados e o máximo conforto para pernoites.

 

Um dos pontos mais fortes do projeto é a assinatura marcante de seu design. De longe é possível identificar uma Focker. A divisão de cores no casco feita pela tênue linha do verdugo deixa a lateral da 272 imponente e pungente, também por conta do ângulo de 21º do V do casco. As curvas simples e clássicas agregam sofisticação ao modelo esportivo. A saída de ar e a vigia lateral, exclusiva do modelo GTC, são as únicas interferências visuais no casco. A lancha testada é uma “Black Edition” especial do estaleiro, onde detalhes já saem de fábrica em preto, fazendo um contraste interessante com as curvas originais do barco. 

 

A popa é bem ampla, com boca de 2,78m e espaço suficiente para incluir uma churrasqueira. Comporta também uma escada embutida, que pode ser montada e oferecer fácil acesso para quem deseja entrar e sair da água. Nas laterais: chave de força, cunhos, pega-mão, chuveiro de popa, e saída de abastecimento - além de luzes de cortesia. Um solário de popa proporciona conforto e acomodação na integração com a paisagem. Embora o modelo não conte com um espaço gourmet na popa, a opção da churrasqueira atende bem a necessidade sem ocupar tanto espaço. 

 

Com entrada a bombordo, a praça de popa tem um pequeno degrau que acomoda um paiol multiuso e uma porta de segurança para isolar a passagem. A targa de 2m não atrapalha em nada a circulação nessa área de convivência. O solário tem o encosto rebatível para que possa ser usado também nesse espaço com o restante do sofá em L. Uma mesa pode ser colocada em frente aos assentos, dando suporte também para a pia lateral - que conta com um nicho que pode ser convertido em frigobar, cooler, geleira ou cristaleira. Saídas de som, porta-copos e pega-mãos são posicionados em locais estratégicos para o melhor aproveitamento. Uma chaise a bombordo e a poltrona do piloto somam nas possibilidades de acomodação. Os estofamentos são feitos com acabamentos exclusivos e especiais para a experiência náutica, além de trazerem mais sofisticação para a embarcação. 

 

O acesso à cabine é isolado por uma porta deslizante de vidro curvo fosco. Descendo os degraus, já se encontra com um grande sofá em L, que pode ser convertido em uma cama de casal, ou tornar-se uma área de refeição, apenas montando uma mesa ao centro. A cabine tem 1,40m de pé-direito e revestimentos laterais em tecidos e outras coberturas resistentes, e ainda comporta alguns equipamentos opcionais, como forno micro-ondas e televisão. A iluminação é feita de forma artificial e também natural, com vigias e uma gaiuta. O banheiro é completo e segue o pé-direito da cabine, com pia, vaso elétrico e espaço para itens pessoais, além de uma vigia para ventilação e iluminação natural no espaço. Para passeios diurnos, a Focker 272 GTC recebe até 10 pessoas, e para pernoite, as acomodações são para duas. 

 

Subindo alguns degraus no meio do painel central, uma janela no parabrisa dá acesso à proa, que pode ser estofada com um solário personalizado. O espaço ainda guarda os itens de serviço, como cunho e âncora. O guarda-mancebo e as demais peças em inox contam com o intermédio de uma peça emborrachada, de modo a oferecer maior durabilidade do casco e da peça. 

 

A casa de máquinas fica posicionada embaixo do solário de popa, com fácil acesso graças aos pistões a gás laterais. Toda ela é isolada térmica e acusticamente, e possuem dois blowers de série para vazão dos gases. Este modelo é equipado com um motor de 300 hp a gasolina com um Rabeta Bravo 3. O extintor de incêndio tem acionamento à distância e um sensor de inundação é acionado caso o sapo da bomba de porão não funcione. 

 

No cockpit, a posição de pilotagem é boa tanto para quem prefere pilotar em pé quanto sentado. O painel não se estende até o parabrisa, o que rende um campo de visão mais confortável e seguro para quem está na poltrona. Botoeiras ao lado esquerdo e o acelerador ao lado direito estão sempre à mão. Os medidores e relógios fazem um arco na visão central. E há ainda espaço para acomodar quaisquer equipamentos de sua preferência. 

 

O teste de navegabilidade foi feito na bela paisagem do Rio Paraná, na divisa do Paraná com Mato Grosso do Sul. As águas calmas proporcionaram manobras mais arriscadas em alta velocidade, como curvas fechadas a quase 40 nós. A entrada na marola do barco de apoio pode ser feita com total segurança e sem tombar. O tempo de planeio foi de 7 segundos. Nas medições: de 0 à 20 mph, em 9,7 segundos, e de 0 à 30 mph, em 13,7 segundos.

 

Acompanhe o Raio-X, com Marcio Ishihara e a Focker 272 GTC, direto para o Bombarco!

 



Ficha Técnica - Focker 272 GTC

 

Comprimento total: 8,58 m

Boca: 2,78 m

Calado min: 0,40 m

Calado max: 0,49 m

Ângulo do espelho de popa : 15°

Ângulo V do casco: 21º

Peso sem motor:  1860 kg

Motorização centro rabeta: Diesel 1 x 170HP a 230HP - Gasolina 1 x 250HP a 350HP

Tanque combustível de alumínio: 240 L 

Tanque de água doce: 55 L

Material do casco: fibra de vidro

Capacidade de passageiros dia/noite: 10/2

Altura cabine: 1,40m

 

Mais informações: www.fibrafort.com.br 

 

Redação: Equipe Bombarco