Sua mensagem foi enviada com sucesso!
Natura fecha parceria com Família Schurmman para Voz dos Oceanos

Notícias

Natura fecha parceria com Família Schurmman para Voz dos Oceanos

18/12/2020
Compartilhar

A nova fragrância Kaiak Oceano, da Casa de Perfumaria do Brasil, embarcará com a Família Schurmman em sua próxima expedição, que tem o apoio global do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente. "Voz dos Oceanos" será iniciada em 2021. O trajeto deve passar por 40 destinos ao redor do mundo e os navegadores irão registrar a condição atual dos mares para aumentar a conscientização e o engajamento do público para questões contemporâneas urgentes, como o descarte de resíduos e o consumo consciente.

 

Desde 1996, a marca Kaiak da Natura se inspira no universo aquático para desenvolver seu portfólio. Com o recente lançamento de Kaiak Oceano, a empresa tem proposto a reflexão sobre a importância de cuidar dos mares. A fragrância traz notas olfativas que remetem a um mergulho profundo e inova ao utilizar plástico retirado do litoral brasileiro em parte de sua embalagem.

 

Em agosto de 2021, o veleiro sustentável Kat zarpará do porto de Itajaí, em Santa Catarina, dando início à missão. Então, a Família Schurmann percorrerá a costa brasileira, além de regiões nos Estados Unidos, América Central, ilhas do Pacífico e Nova Zelândia. Também navegarão pelas áreas conhecidas como "giroscópios", onde as correntes marítimas convergem e agrupam grandes quantidades de resíduos plásticos.

 

Defensora da campanha MaresLimpos do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, a Família Schurmann pretende engajar a comunidade internacional - especialmente cientistas, ambientalistas, empreendedores, ONGs e governos - para reverter o cenário de destruição dos mares. Segundo informações de pesquisas recentes, como da Fundação Ellen MacArthur, até 2050 haverá mais plásticos do que peixes no mar.

 

"Com Kaiak Oceano, buscamos mostrar que é possível fomentar a cadeia de reciclagem e evitar a produção de mais resíduos, que em grande parte, poluem as águas. A parceria com a Família Schurmman é uma grande felicidade para nós, pois aumentam a visibilidade sobre essa discussão sobre a importância do consumo consciente e do descarte adequado de resíduos", explica Fernanda Rol, diretora de marketing da Natura.

 

"É preciso entender que não existe 'jogar fora', tirando o problema do lixo de vista, pois tudo converge para um mesmo lugar: o nosso planeta. E essa situação vai além da tartaruga e do golfinho. É a vida humana que está em jogo. Ter a bordo uma empresa que se preocupa com essa questão, buscando soluções que ajudem a reverter esse cenário nos deixa ainda mais animados", diz David Schurmann, um dos líderes da "Voz dos Oceanos", iniciativa apoiada também pelo Bombarco.

 

Compromisso Natura com a redução do lixo

 

O compromisso da Natura com a redução do lixo existe há mais de 30 anos. Em 1983, a marca decidiu incluir refis em seu portfólio de produtos, sendo a primeira empresa de cosméticos a adotar essa medida. Pelo uso de refil em seus produtos, a empresa evita o descarte diário de lixo equivalente à quantidade produzida por 4.7 milhões de pessoas. A iniciativa também evita a emissão de 7 mil toneladas de carbono na atmosfera, o que equivale às emissões geradas por 2991 viagens em torno da Terra.

 

A Natura também assumiu mais uma série de compromissos que envolvem a redução de resíduos para serem colocados em prática até 2030. As metas são baseadas nos princípios da economia circular, na redução do consumo de plásticos de uso único, na aplicação do reuso e reciclagem dos materiais e na priorização do uso de material reciclado pós-consumo em embalagens da marca. Entre as metas estão tornar 100% das embalagens recicláveis, reutilizáveis ou biodegradáveis e 50% de todo o plástico utilizado será de origem reciclada pós consumo. A Natura também pretende coletar 100% do plástico de suas embalagens.

 

Por meio do programa de logística reversa em suas lojas próprias, a Natura incentiva seus consumidores a realizarem o descarte correto de embalagens. A cada cinco recipientes regulares vazios, os clientes podem receber um novo produto. O projeto é realizado através de parcerias e a meta para o final de 2020 é que seja coletado e descartado, pelo menos 50% de tudo que for faturado para o mercado. Além disso, parte do material recuperado é reincorporado nas embalagens da empresa.

 

Pelo programa Natura Elos, de logística reversa para cadeias de abastecimento de materiais reciclados, já foram coletados, desde 2017, mais de 17.5 mil toneladas de resíduos pós-consumo em países como Brasil, Argentina, Chile, Colômbia e Peru. Por ano, são incorporados 1.6 mil toneladas de vidro reciclado em perfumes e 925 toneladas de plástico reciclado em embalagens.

 

A companhia também investe no ecodesign. Parte de seus frascos de perfumaria, por exemplo, possuem válvula rosqueada para que seja possível separar o recipiente da tampa, facilitando o processo de reciclagem da embalagem. O objetivo da marca é apresentar produtos sustentáveis, adequando processos de produção, distribuição e consumo às práticas ecológicas, de modo que embalagens ganhem novasfunções após o uso em vez de virarem lixo.

 

Fonte: Família Schurmann